Beck em Volta da Fogueira Lyrics

Quinto Andar Lyrics



Quem nunca pa**ou por um dia em que nada deu certo?
Se sentiu sozinho nas horas mais difíceis
Resistiu às palavras mais incríveis?
Quem nunca ficou louco de Gudang e vinho?
Ou ficou com aquela mina feia por causa do amigo?
Acordou a**ustado porque tava caindo aquele puta abismo?
Quem nunca deu um sorriso com as piadas do Quinto?
Quem nunca mentiu pra agradar o amigo?
Jurou um caso perdido?
Ou deixou de comer aquele frango e macarrão no almoço de domingo?
Quem nunca encheu a cara, falou merda pros amigos e pra namorada?
E no outro dia fala que não lembra de nada
E como pode ter perdido os doc*mentos na balada?
Quem nunca recebeu telefonema de curso de computação? na faixa
Mais comum que ter comprado CD pirata
Quem nunca colocou só a cabecinha? Ou meteu sem camisinha?
Nunca virou a cara pra ver a bunda das minas?
Quem nunca rebelou contra o sistema
E logo em seguida percebe que rap não resolve problema?
Quem nunca disse que nada vale a pena?
Quem nunca ouviu que só não vale a pena pra quem tem alma pequena?
Quem nunca a**istiu Kids ou leu Christiane F.?
Hoje é seu aniversário, aquela pessoa especial sempre esquece
Fuma um beck em volta da fogueira com violão, e falando da viagem pra São Tomé das Letras
Nunca ouviu falar da brincadeira do copo?
Eu sei que você tá puto porque perdeu o retrovisor do carro pra uma moto
Quem nunca chamou uma ruiva sardenta de Grampola?
Quem nunca teve o coração na mão de uma louca?
Quem nunca tentou pa**ar pela catraca errada do metrô, ou falou que a missão é interior?
Quem nunca decepcionou alguém? Não foi além do limite
Vai e vem, o tempo pa**a e não tem ninguém
Quem nunca bebeu uma breja gelada no bar?
Quem nunca viu o mar?
Ou nunca intimou uma puta fim de carreira só pra zuar?
Quem nunca se sentiu livre com aquela brisa gostosa depois do banho?
Ou nunca sentiu um sentimento estranho quando estava fazendo algo realmente verdadeiro pra gente?
Quem nunca ficou fodido com os vendedor da galeria
Que gruda como se a gente fosse um cartão de crédito Visa?
Quem nunca foi no Poupa Tempo?
Ou nunca pa**ou nervoso no salão porque tão batendo cabeça com Caramujo Sonolento?
Quem nunca fez merda na vida?
Quem nunca foi numa feira hippie, ou nunca cantou "Dig Dig"?
Ligue pra mim, porque eu te pa**ei meu telefone
Meu som se esconde e não tem pra onde ir
Nem se fosse pra'quele monte de gramado verde, limpo e quente
Quem nunca pa**ou uma história de Eduardo e Mônica
Quando, na verdade, eu sei que era apenas no pa**ado uma Natasha bomba atômica
Que pa**ou por mim, e agora é mais uma história platônica
Quem nunca se sentiu inútil? Mas de útil tem H-2-0 que é único
Como você, que pa**ou por tudo isso
E percebe agora que a vida é de todos, ricos e mendigos
Não importa, o que importa é ter vivido
Quem nunca viu gnomos ou duendes?
Quem nunca achou que doente é quem mente sempre?
Quem nunca vomitou até a alma depois de ter chapado?
Quem nunca chutou uma pedra grudada no asfalto?
Quem nunca achou estilo de rockeiro engraçado? Calça e jaco apertado
Quem nunca teve uma amizade colorida?
Quem nunca se apaixonou por uma amiga?
Quem nunca sentiu saudades dos amigos do ginásio?
Quem nunca se sentiu usado no estágio?
Quem nunca quis ser um herói? Tipo de quadrinhos, pra salvar o mundo
Mas se um dia meu cabelo ficar loiro, pode ter certeza que eu acabo com tudo
Mas aí, quem nunca disse:
"Que se foda o mundo"


Que se foda o mundo
Vida Loka, Vida Loka




All Artists: 0 A B C D E F G H I J K L M N O P Q R S T U V W X Y Z

we all love music